28 outubro 2006

O longe é um ladrão medonho


Verde e terra e musgo e mais terra e muita terra e erva e giestas e pinheiros e campos lavrados e mais cheiro a terra. Mais vacas e galinhas à solta e miúdos à solta e vindimas e gente que troca o "B" pelo "V" e diz vários palavrões na mesma frase e carroças e espigueiros donde saem ratos que roem o milho todo e moreias de palha e escaravelhos das batatas que voam como joaninhas e grilos e sapos e ouriços cacheiros e outros animais saltantes e magustos com castanhas a sério das que têm bichos. E ainda cair nas poças ao saltar pedras e chegar molhada a casa e ver que um morcego me entrou pela janela dentro e não consegue sair porque acendi a luz e então ele bate contra a parede e cai e eu pego nele e vejo por fim de perto como é a cara de um morcego e fico maravilhada.

O longe anda-me a ficar com muitas coisas.

6 Comments:

At sábado, outubro 28, 2006, Blogger pensamentos_vagabundos said...

percebo-te
beijo vagabundo

 
At sábado, outubro 28, 2006, Blogger mfc said...

Não se pode ter esse "longe" sempre por perto...mas temos a nossa memória que de algum modo nos pode confortar!

 
At sábado, outubro 28, 2006, Blogger Thiago Forrest Gump said...

Diga ao teu pai: é a lei de Murphy! lololololololol



Bom fim de semana

 
At domingo, outubro 29, 2006, Anonymous Dom Quixote said...

Isto é aquilo que eu chamo de um texto de sentidos.
Estava a ler-te e ao mesmo tempo estava a sentir ruídos, odores e a visualizar um fim de tarde de coisas que também eu vivi e que saudosamente vivi através de ti e do teu texto.
Tens muita sensibilidade.
Parabéns.

ps- tinhas de estar a norte :)

 
At domingo, outubro 29, 2006, Anonymous diana said...

oh pah..tu fazes-me rir [:
eu tenho saudades da erva que cresce por entre as espigas, do musgo nos muros, do som do sino da igreja, das lareiras caseiras, da sopa da minha avó...

ai..isto ispira-me

***

 
At segunda-feira, outubro 30, 2006, Blogger ... said...

K sorte a minha viver há 27 anos na mesma região!!!
Bjocas

 

Enviar um comentário

<< Home